Sem categoria

Vargem Grande Paulista… a minha cidade!

Oi gentee! Beleza?

Vargem Grande Paulista completou 34 anos na sexta-feira (27 de novembro) e somos em aproximadamente 48 mil habitantes.

Reza a lenda que D. Pedro I gostava de caçar por essas bandas e aqui também tinha muitas senzalas e escravos. Passou -se o tempo e Vargem Grande virou um Distrito, depois pertenceu à Cotia e em 27 de Novembro de 1981, ela tornou-se um município da Região Metropolitana de São Paulo, mas cara, isso aqui é interior hahaha

Quando você pesquisa na internet, aparece que somos a última cidade da “capital” mas a gente tá mais pra primeira cidade do interior de SP! O que nãao é um problema, eu gosto do interior, do mato, da vida tranquila e do ar limpo.

Vargem Grande - P0076A - Vista do condomínio

Aqui tem bastante área verde, tipo, muita mesmo gente maaaas o PROGRESSO está vindo cada vez mais e o desmatamento tá a mil. Por isso, aqui é uma mistura de estrada de terra, criações de gado e gente falando puxaaado com pessoas que moram em condomínios, vias asfaltadas e grama artificial.

raposo-vgp

estrada-elias-alves-da-costa-site

Temos 2 pontos que são considerados turísticos: o Mariápolis Ginetta – Sede do Movimento dos Focolares no Estado de São Paulo e o Salão de Assembleias das Testemunhas de Jeová (não tenho fotos, sorry). Há muuuitas chácaras, sítios, fazendinhas e até um haras (que eu morria de amores quando criança). E claro, temos algumas quebradas cheias de manos também hahaha somos paulistas, né 🙂

O ponto de encontro da galera aqui está sendo essa Pista de Skate, não temos muuitas opções.

Inaugura-PraMaria-Alzira010

E essa é minha cidade, galerê! E como uma boa e querida cidade interiorana, a Igreja marca o centro da cidade e tem um Coreto na praça.

coreto-igreja

ps. As fotos foram retiradas do site da cidade.

12191717_10207450342518984_5470877887559865017_n

 

 

Comments

comments

6 thoughts on “Vargem Grande Paulista… a minha cidade!

  1. Desmatamento é a tristeza, né?!
    Eu iria amar morar num lugar que conseguisse ser desenvolvido, mas que mantivesse a natureza. Ou, pelo menos, mais áreas verdes. Cada dia se destrói mais 🙁

    [Reply]

    Paloma Silva Reply:

    É, realmente é bem triste… as imagens que tenho quando criança e o quanto eu podia brincar há 10 anos atrás, nem se compara com o que as crianças brincam hoje… fora que é tudo tecnológico.

    [Reply]

Troque figurinhas comigo! Comente sua opinião :)