Sem categoria

Pode chegar, 2017!

Oiiiiiiii! Beleza, sobreviventes?

Rapaaaaaaaz, que ano foi esse? Parece até que estávamos vivendo um episódio de Black Mirror… foram tantas reviravoltas na política, no meio ambiente, na sociedade, tantas preces feitas pelas pessoas que partiram e por suas famílias. Um rio de lágrimas e compaixão pelos feridos de guerra, de transfobia, de preconceito racial ou de gênero, de xenofobia. Não foi fácil, isto está mais que claro.

Graças as redes sociais, muita luta ganhou voz e pelo menos um pouquinhozinho deu pra perceber que o correto nos cerca ainda que pequeno. Em contra partida, temos diversas provas da imbecilidade humana que é tão grande que causa morte, dor, sofrimento e muito ibope.

Todo mundo sonha
Todo mundo chora
Todo mundo já viu
Alguém que ama ir embora

Todo mundo sofre
Todo mundo erra
Todo mundo tem, todo mundo tem
As suas próprias guerras

Quem somos nós pra ditar
O valor de alguém?
Somos pó
Não podemos julgar ninguém

Ninguém sabe a dor
Que o outro passou
Ninguém sabe as lutas
Que o outro lutou
Ame mais
Julgue menos

(Música: Marcela Taís – Ame mais, Julgue Menos)

E, pensando individualmente, quanta gente sofreu bem pertinho de nós. Com certeza você viu de perto as dificuldades de amigos, parentes, vizinhos ou quem sabe foi com você mesmo. Às vezes eu me pego pensando na vida e em tudo que se pode acontecer, e vejo o quanto temos que ser fortes pra não desanimar e desistir dos sonhos. O quanto temos que ser fortes pra nos libertarmos das opiniões alheias e de nós mesmos. O quanto temos que ter uma força que transcende a ponto de estar tudo acabado e ainda ser possível sorrir, ser gentil, ser amigo, ser paciente, amoroso. Ainda conseguir ter paz dentro de si… paz pra chorar e depois de secar as lágrimas, seguir em frente, confiante. Paz pra não escolher o caminho errado. Paz em meio à rumores de guerra. Paz na guerra. Paz em nós.

Sei que tá todo mundo já cansando do mesmo discurso: “muita paz, muito amor, muita saúde” só que gente, se analisarmos direitinho é tudo o que precisamos mesmo. Paz pra não pirar em meios as dificuldades, amor pra transbordar o melhor que há dentro de nós e saúde pra conseguir fazer os corre, realizar sonhos.

Que em 2017 possamos ser pessoas melhores. 

Melhores para o planeta, melhores para para nossos irmãos.

Tenha um maravilhoso e abençoado 2017!!!

 

Comments

comments

2 thoughts on “Pode chegar, 2017!

Troque figurinhas comigo! Comente sua opinião :)